Pedir Orçamento
Menu
Colaboradores Carul em trabalho de estrutura em Light Steel Framing em Obra de Sintra

Recomendações de higiene em obras para evitar potenciais contágios

Muitas empresas de construção civil retomam, lentamente, a sua atividade durante o período de pandemia. Existem recomendações de higiene que qualquer trabalhador deve pôr em prática, de modo a evitar possíveis contágios.

Pouco a pouco estamos a voltar à normalidade. Seguir as recomendações de higiene da DGS e da AECOPS é uma prioridade para qualquer empresa de construção civil e é isso o que fazemos na Carul. Garantir a segurança dos nossos trabalhadores e clientes é o que nos permite continuar a trabalhar e manter a normalidade dentro daquilo que é possível.

A AECOPS – Associação de Empresas de Construção, Obras Públicas e Serviços – divulgou novas recomendações de higiene para a segunda fase de desconfinamento. Aliamos estas recomendações às normas divulgadas, aquando o Estado de Emergência no nosso país. Apesar dos projetos de construção terem voltado ao ativo, mantemos o compromisso de normas de higiene reforçadas.

Estas 11 recomendações de higiene são importantes para que consigamos manter a segurança no estaleiro de obras e no escritório.
#1
Sempre que possível os operários devem manter uma distância de segurança entre eles no estaleiro de obras.
#2
Devem aumentar os pontos para a lavagem e/ou desinfeção das mãos.
#3
Os equipamentos de proteção individual devem ser utilizados sempre pelo mesmo operário, não podendo ser partilhados. Após utilização devem ser devidamente higienizados. Os equipamentos descartáveis devem ser depositados em segurança no lixo.
Colaborador Carul com equipamento de segurança

Na Carul entregamos desde sempre aos nossos colaboradores um kit com equipamento de segurança, constituído por máscara, luvas, abafador de som, óculos protetores, capacete e botas. Descubra aqui as nossas 6 dicas para garantir a segurança em obras.

#4
Em obras com muita afluência, os horários de entrada e saída são escalonados para evitar filas. Os horários de intervalos e refeições também devem ser diferentes para evitar a acumulação de pessoas na mesma área.
#5

Todos os materiais no estaleiro de obras e nos escritórios devem ser higienizados com regularidade;

#6
Os cartazes da DGS com as recomendações de higiene estão sempre presentes a relembrar as melhores normas;
#7

Deve ser criado um ou mais pontos onde um operário com sintomas se possa isolar até que seja devidamente evacuado;

#8

Os contentores, quando possível, devem manter as janelas ou portas abertas de forma a aumentar a ventilação natural. O mesmo se aplica aos escritórios.

#9

Os veículos de transportes só podem ser utilizados até um terço da sua capacidade máxima e devem ser higienizados com regularidade;

#10
As reuniões presenciais com parceiros, fornecedores ou clientes devem ser evitadas ao máximo, privilegiando a utilização de meios digitais sempre que possível;
#11
Evitar o contacto com estafetas e fornecedores, criando um protocolo que registe quem entrega os materiais em obra, quando entrega e com quem contactou na obra;

Pode consultar as recomendações de higiene mais recentes da AECOPS aquando a declaração do período de desconfinamento aqui. As recomendações de higiene mais detalhadas podem ser encontradas aqui.

Publicado em DicasPartilha

Escreva e carregue Enter para procurar

Carrinho de compras

Nenhum produto no carrinho.

PT
EN PT